NOTÍCIAS RÁPIDAS
NOTÍCIAS

Adolescente apreendido confessa participação na morte do professor do IFMT em Juína

21/11/2018
Fonte: Juina news

O menor já teve participação no assassinato do enfermeiro Benedito Donizete Gumiere em Castanheira.

 

Um adolescente de 17 anos foi apreendido nesta terça-feira, dia 20, pela Polícia Judiciária Civil do município de Juína, no noroeste de Mato Grosso, por envolvimento na morte do professor Denis Alves de Faria, de 44 anos, assassinado ontem a golpes de faca na residência dele no bairro, módulo – 5.

 

Conforme os policiais, uma denúncia anônima relatava que o menor estava escondido numa residência na Rua Ipês, bairro, Padre Duílio.

 

Imediatamente a equipe policial se deslocou ao bairro e fez um cerco policial tendo êxito em apreender o adolescente.

 

Apreendido, ele contou aos policiais que estava com Harisson Patrik de Oliveira Ferreira, de 18 anos, na residência do professor Denis quando ele foi morto.

 

Para não serem flagrados pelas câmeras de segurança, a dupla arrancou as mesmas e a CPU, e as jogaram no mato.

 

O menor apreendido relatou ainda que as imagens que estão em posse da polícia são dele e de outro menor na motocicleta da vítima uma Honda XRE de cor vermelha que foi localizada ontem mesmo pela Polícia Militar no bairro, Padre Duílio.

 

Segundo o adolescente, a idéia de ocultar as câmeras foi de Harisson que já está preso sob custódia da polícia, porém, ele permanece internado no hospital municipal com cortes no braço e ombro devido à luta corporal que teve com a vítima. As câmeras foram encontradas em um terreno baldio em frente à casa do professor, e a CPU em um mato na Avenida Foz do Iguaçu, saída para linha 05.

 

Outra confissão do menor é que Harisson foi quem o chamou para ir à residência do professor Denis  porque ele já teria premeditado praticar um roubo no local e que foi o próprio Harisson que atingiu Denis com os golpes de faca. E que ele (menor) ajudou seu comparsa golpear a vítima.

 

Os dois menores foram apreendidos e estão na delegacia de polícia.

 

O crime bárbaro e violento está praticamente desvendado.

 

Estão presos sob custódia da Polícia Civil, os dois adolescentes, Harisson Patrik Oliveira Ferreira e Vanderlei Justino Gonçalves. Este último os investigadores encontraram em sua casa pertences da vítima.

 

O flagrante está sendo conduzido pelo delegado de polícia José Carlos Damian.

 

O crime

Como anunciamos em primeira mão, o professor Denis Alves de Faria foi encontrado morto a golpes de faca em sua residência na Rua Umuarama, no bairro, módulo – 5, na tarde de ontem. Ele estava no quarto seminu com várias perfurações.

 

Havia sangue por toda a casa, a polícia acredita que ele entrou em luta corporal com os agressores, mas acabou sendo morto.

 

Uma testemunha relatou a polícia que foi até a casa dele e o chamou por várias vezes, mas como ele não respondia resolveu entrar e o encontrou morto.

 

Denis Alves de Farias, veio do estado de Pernambuco, era professor de língua portuguesa, atua por muito tempo nas escolas estaduais de Juína e por último dava aulas no IFMT Campus de Juína.

 

Em nota, o IFMT campus Juína lamentou a morte do professor e decretou luto oficial.

 

"Não temos palavras para expressar os nossos sentimentos. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor. Que a luz e o amor divino pairem sobre a alma de quem sofre está imensurável perda, os console e lhes dê serenidade para atravessar esta tempestade", diz trecho da nota.

FACEBOOK