NOTÍCIAS RÁPIDAS
NOTÍCIAS

Suspeito de matar gerente de fazenda a tiros é preso

06/11/2018
Fonte: Nortão Noticias

A Polícia Judiciária Civil (PJC) cumpriu um mandado de busca e apreensão, nesta manhã, na casa de João Walchak Neto, suspeito de matar a tiros o gerente de fazenda Cleiton Domeni Naitziki em 2017. Contra ele também havia um mandado de prisão preventiva. Na casa dele, na avenida Curitiba, no bairro Jardim Alvorada, foram encontradas duas armas de fogo.



De acordo com o investigador José Carlos, da Divisão Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), o crime teve motivação passional: um relacionamento extraconjugal.



Conforme o delegado Nilson Farias, a esposa do suspeito teria um caso com a vítima e, por vingança, o marido matou a tiros Cleiton.



Na casa de João Walchak Neto foram achados, segundo a polícia, um rifle calibre 22, com registro vencido, e uma espingarda calibre 28 sem registro, além de uma mira a laser. Já a arma usada no crime, um revólver calibre 38, não foi encontrada.


Já o advogado de defesa, em contato com o Portal Sorriso, disse que as armas têm registro.



O crime

A vítima foi assassinada a tiros em agosto de 2017, quando seu corpo foi encontrado na cozinha de uma residência, na rua Bento Gonçalves, no residencial Porto Alegre, em Sorriso.



Segundo a polícia, João teria usado uma cópia da chave da casa de Cleiton que foi entregue à esposa dele. Após a mulher viajar, o marido teria pegado a chave e invadido a casa do gerente e o matado a tiros. O suspeito nega o crime.



Na época, segundo a perícia, foi informado que os tiros começaram a ser efetuados no quarto e terminaram na cozinha. Projéteis foram encontrados espalhados.



Uma vizinha, ao chamar o rapaz para ajudá-la a fazer uma mudança, ao se aproximar do portão de vidro observou que o homem estava caído no chão. A Polícia foi acionada e o assassinato constatado.



Testemunhas e audiência de custódia

O DHPP ainda ouvirá testemunhas intimadas hoje pela manhã. O suspeito deverá passar por audiência de custodia na tarde desta terça-feira.

FACEBOOK