NOTÍCIAS RÁPIDAS
NOTÍCIAS

Travestis agridem e "cospem" sangue em motorista de ônibus

06/09/2018
Fonte: Folha Max

Suspeitas tentavam deixar coletivo sem pagar por passagem

 

Um motorista da União Tranportes, identificado como C.O.F., 47 anos, foi agredido por duas travestis após uma confusão dentro de um ônibus coletivo na noite desta quarta-feira (5), na Avenida Filinto Muller, Várzea Grande.

 

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a vítima ficou com ferimento no rosto e com hematomas no olho esquerdo. Uma das travestis chegou a cuspir sangue no servidor e disse que seria portadora de HIV.

 

Um vídeo gravado por passageiros mostra parte da briga. Segundo a vítima, as travesti, sendo uma venezuelana de 16 anos, embarcaram no coletivo em um ponto na Praça Ipiranga. Elas informaram ao motorista que iriam abastecer o cartão no terminal de VG.

 

Contudo, quando o ônibus chegou próximo do Shopping de Várzea Grande a travesti, identificada como Sabrina, tentou descer do coletivo sem pagar a passagem. Com a confusão, a travesti Valentina ficou dentro do ônibus, momento em que a amiga retornou ao veículo e iniciou uma serie de agressões contra o motorista. 

 

Conforme boletim de ocorrência, as agressões foram de chutes e socos. Durante a briga, a travesti Valentina teria cuspido sangue no motorista e teria dito que seria portador de HIV. 

 

A segunda suspeita desmentiu o caso e relatou que a amiga teria acabo de sair de um consultório de odontológico. Diante da situação, as travestis foram levadas para a Central de Flagrantes. O motorista recebeu atendimento médico por conta dos ferimentos.

FACEBOOK